Notícias

Festa de gala

Com uma grande festa, que reuniu na noite de ontem, 8 de junho, no Grand Hotel Hyatt São Paulo, profissionais do mundo da gastronomia e do vinho, donos de restaurantes, importadores, jornalistas especializados, além de parceiros de Prazeres da mesa – o prêmio mais democrático da gastronomia brasileira chegou a seu ápice com uma relação de nomes que, definitivamente, deixam sua marca em 2009. Saul Galvão e sua inquestionável contribuição teórica. Angelo Salton, e sua visão empreendedora, abrindo caminho no mundo do vinho. Tsuyoshi Murakami e sua criativa cozinha japonesa do Kinoshita. Henrique Fogaça e sua comida com gosto de comida do Sal – cada um a seu modo compõe o alicerce da gastronomia brasileira. Eles contribuem, com o talento e a inventividade, para que a cena nacional se desenvolva ainda mais. Motivo de orgulho para todos, do comensal à equipe de Prazeres da Mesa. Neste ano, apenas uma categoria teve empate no resultado: a de barista. Yara Thais Castanho, da Suplicy Cafés Especiais, de São Paulo, capital, e Graciele Rodrigues, da Lucca Cafés Especiais, de Curitiba, tiveram a mesma quantidade de votos e merecem igualmente o título. Abaixo, os grandes campeões de 2009:

Chef do Ano
Tsuyoshi Murakami
Restaurante Kinoshita, São Paulo, SP
Carioca filho de japoneses, Tsuyoshi Murakami, 40 anos, conseguiu ecoar seu talento para além da atividade de um sushiman. Talento ele já demonstra ter há muitos anos, desde quando estava a frente do restaurante que um dia já foi do seu sogro, o senhor Kinoshita, na Liberdade. O mérito de Murakami está em fazer a clássica comida japonesa com um toque de inventividade; em ser original sem se distanciar das origens. (Clique aqui
e leia a reportagem completa sobre Murakami e seu premiado Kinoshita).

Restaurante do Ano
Kinoshita (São Paulo, SP)
O nome é o mesmo que ilustrava a casa da Liberdade (inaugurada há mais de três décadas), mas muita coisa mudou no Kinoshita desde sua transferência há pouco mais de um ano para a elegante Vila Nova Conceição, na Zona Sul de São Paulo. O restaurante ganhou um projeto que prioriza os materiais naturais, assinado pela arquiteta Naoki Ohtake. Com uma brigada afinadíssima, tem maître sommelier e especialista em saquês sempre disponíveis. Além, claro, do menu assinado por Tsuyoshi Murakami – eleito Chef do Ano.

Continua após o anúncio

Chef Revelação
Henrique Fogaça
Restaurante Sal, São Paulo, SP
No pequeno salão anexo à Galeria Vermelho, em São Paulo, um chef com cara de mau chama atenção dos comensais. Henrique Fogaça, 35 anos, tem dado o que falar no seu Sal, restaurante criado em 2005. Virou cozinheiro porque não se sentia à vontade trabalhando num banco. E conquistou os primeiros clientes servindo um singelo risoto de açafrão. Sua cozinha está marcada por inspirações contemporâneas, modos de preparo modernos e temperos à base de ervas.

Sommelier do ano
Ernesto Arahata
Restaurante Piselli, São Paulo, SP

Aos 35 anos (seis de profissão), Ernesto é sommelier do Piselli desde sua inauguração, em 2004. É dele a responsabilidade de manter em dia uma carta de 150 rótulos. Formado pela ABS, tem grande afinidade com os vinhos franceses, embora venha ganhando cada dia mais experiência com os italianos e os sul-americanos.

Barman do ano
Pereira
Bar Astor, São Paulo, SP
Lucivaldo Pereira da Silva é um barman que não para de inventar moda. Mas se for necessário resumir seu talento em um drinque este será, sem dúvida, um clássico
da coquetelaria, como o dry martini. Pereira
é prata da casa. Integra a equipe do Astor desde sua inauguração, em 2001. Aprendeu o ofício da maneira mais difícil: por conta própria, acertando e errando.

Restaurante de Cozinha Brasileira
Tordesilhas (São Paulo, SP)
O restaurante é a casa da elogiadíssima Mara Salles, incansável pesquisadora das mesas brasileiras no batente há mais de duas décadas. O cardápio passeia dos clássicos brasucas, como a feijoada servida quartas e sábados, às invenções da chef, a exemplo do robalo ao molho de moqueca, com caruru, acaçá e farofa de dendê. Durante dez anos, o Tordesilhas amargou os problemas de uma má localização (ficava escondido num flat no bairro paulistano do Jardins). Em 2000, mudou de endereço, ganhou visibilidade e não saiu mais da lista dos mais mais da cozinha brasileira.

Baristas do ano
Yara Thais Castanho
Suplicy Cafés Especiais, São Paulo, SP
Dona de técnica e performance apuradas, a jovem barista de Suplicy Cafés Especiais foi a campeã do 8o Campeonato Brasileiro de Baristas, realizado na capital paulista, no início deste ano. Representou o Brasil no World Barista Championship, em Atlanta, no Canadá, quando conquistou a 18a posição nesse campeonato mundial, que contou com participantes de outros 52 países.

Graciele Rodrigues
Lucca Cafés Especiais, Curitiba, PR
A barista é mais uma amostra da força do mercado de café fora do eixo Rio-São Paulo. O que chama atenção na profissional é a constante evolução, resultado de horas e horas de estudo, treino e trabalho. Atua no Lucca, em Curitiba, na rede de cafeterias da barista Geórgia Franco de Souza, referência não só em solo paranaense, mas em todo o país.

Bar do Ano
Bar da Dona Onça (São Paulo, SP)
Nem bem completou um ano de vida, esse bar com ar descolado já ganhou seu público, em São Paulo, SP. A localização é incrível: fica no andar térreo do edifício Copan, projetado por Oscar Niemeyer – um clássico cartão-postal do centro paulistano. Da cozinha saem pratos saborosos, assinados pelo casal Janaína e Jefferson Rueda (chef do Pomodori), como a costelinha de tambaqui, além de clássicos servidos com perfeição, como o picadinho de carne.

Banqueteiro
Christian Formon (São Paulo, SP)
Legítimo detentor do título de Marquês de Formon Beauregard, Christian emprega sofisticação a cada serviço de festa que executa. A empresa faz gerenciamento completo de eventos, embora o ponto forte seja mesmo a cozinha. Os menus do chef banqueteiro são clássicos, e têm como base a culinária francesa, seu país de origem.

Brigada de Ouro
A Bela Sintra (São Paulo, SP)
Uma brigada de ouro é atenciosa, sem exageros. Prestativa, mas discreta, como a do restaurante A Bela Sintra. Inaugurado em 2004 e especializado em cozinha portuguesa, 60 pessoas trabalham em harmonia no atendimento no salão com capacidade para 72 pessoas.

Artesão da gastronomia
La Bufalina (São Paulo, SP)
Dessa fábrica localizada em Higienópolis, bairro da região central de São Paulo, saem os mais saborosos exemplares de mussarela de búfala de que se tem notícia – palavra de um júri especializado. Além do carro-chefe, vendido em variados formatos (bola, trança, cerejinha etc.), a empresa também oferece ricota de búfala, frios italianos e antepastos, como o de berinjela. Tudo feito com primor de artista.

Personalidade da Gastronomia
Saul Galvão
Jornalista e autor de vários livros sobre vinhos e gastronomia, trabalha desde a década de 1970 nos jornais O Estado de S. Paulo e Jornal da Tarde, tendo passado por diversas editorias. A partir de 1978, passou a se dedicar mais intensamente aos vinhos e aos restaurantes e a escrever livros sobre o assunto. São de sua autoria obras como Tintos e Brancos (Editora Conex) – obrigatório para quem quer saber mais sobre vinho, A Cozinha e seus Vinhos (Senac-SP), com receitas e dicas de harmonização, e Prazeres da Mesa (Ática), em que reúne receitas de restaurantes clássicos de São Paulo.

Personalidade do Vinho
Angelo Salton
Com seu sorriso permanente e uma vontade imensa de fazer o melhor vinho brasileiro, esse empresário gaúcho (morto em fevereiro deste ano) foi fundamental para o salto que os rótulos brasileiros deram na última década. A vinícola Salton, que era mais conhecida pelo conhaque Presidente, mudou o foco para o mercado de vinhos finos e passou a contribuir para o crescimento do setor. Além, claro, do competente trabalho de sua equipe de enologia. Se hoje seus vinhos são respeitados, muito se deve ao empreendedorismo de Angelo Salton.

A votação
A primeira etapa da votação foi de voto aberto ao público. Leitores internautas indicaram, pelo site da revista, os melhores profissionais do ano em cada categoria. Os mais votados foram anunciados como finalistas na edição passada de Prazeres da Mesa. Aí começou a segunda etapa do prêmio: nossa equipe foi em busca do voto dos especialistas. Sessenta e dois deles, entre chefs, sommeliers e empresários, indicaram seus favoritos na lista. E assim chegamos aos vencedores do Prêmio Melhores do Ano Prazeres da Mesa/Bohemia 2009.
P.S.: os jurados votaram apenas nas categorias em que se sentiam confortáveis e nas quais possuem conhecimento. Claro, os finalistas não votaram nas categorias em que estavam concorrendo.

Nosso júri
Adriana Toledo (Café Toledo Ltda.); Alessandra Divani (Bufê Divani & Fusco); Álvaro Cézar Galvão (enófilo); Ana Bueno (Banana da Terra); Anayde Lima (Julia Cocina); André Saburó (Quina do Futuro); Arthur Azevedo (ABS); Bella Masano (Amadeus); Benedito Filho (sommelier); Benny Novak (Ici Bistrô); Bruno Hermenegildo (sommelier); Carla Saueressig (Tee Gschwendner); Carlos Bertolazzi (Bufê C.U.C.I.N.A.); Carlos Ribeiro (Na Cozinha); Carole Crema (Wraps); Cesar Santos (Oficina do Sabor); Christian Formon (Bufê Christian Formon); Cleia Junqueira (barista); Cris Maccarone (Madame Aubergine); Daniele Chamecki (Santa Gula); Duda Novaes (personal chef); Ed Motta (cantor e compositor); Edhuardo Russo (personal chef); Edinho Engel (Amado); Emmanuel Bassoleil (Skye Hotel Unique); Ensei Neto (consultor em qualidade de cafés especiais); Fabio Sicília (Dom Giuseppe); Flávio Federico (Sódoces); Franco Ravióli (Pizza Bros.); Frédéric De Maeyer (Eça); István Wessel (empresário); Javier Torres (Eñe); Jeriel da Costa (Sbav); José Melo (Ciatc); Kike Martins da Costa (jornalista); Lamberto Percussi (Vinheria Percussi); Laurent Hervé (Eau); Luis Norberto Paschoal (Daterra); Mara Mello (Pâtisserie Mara Mello); Marcelo Favaro (chef consultor); Marcos Santo Mauro (enófilo); Maria Victória (Bistrô Montagu); Mariana Valentini (Valentina); Marina Zynger de Castro (Dressing); Mônica Rangel (Gosto com Gosto); Neka Menna Barreto (Neka Gastronomia); Olga Martino Bermudez (ABS); Patricia Schmidt (Patricia Schmidt Bolos Decorados); Paulo Coelho (Anhembi Morumbi); Paulo Gradin (La Table d´Or); Raphael Despirite (Marcel); Renata Braune (Chef Rouge); Roberta Malta (jornalista); Rodrigo Oliveira (Mocotó); Rogério Bertasoli (enófilo); Samantha Aquim (Aquim Buffet); Sérgio Torres (Eñe); Silvia Percussi (Vinheria Percussi); Teresa Corção (O Navegador); Tereza Paim (Terreiro Bahia); Viko Tangoda (Viko Produção Culinária); Xavier Depuydt (empresário).

Clique agora, aqui, e saiba tudo sobre o prêmio mais cobiçado da gastronomia brasileira e os grandes finalistas de 2009.

CARTAS CAMPEÃS
Pelo quinto ano consecutivo elegemos as melhores cartas de vinho do país

A primeira edição do prêmio Excelência em Carta de Vinhos ocorreu no ano de 2005 e hoje, quatro anos depois, é o mais importante da imprensa brasileira sobre o assunto. Um processo criterioso determinado pelo colunista de Prazeres da Mesa Maurice Bibas confere aos restaurantes que tratam o vinho com respeito um importante reconhecimento. A cada ano, o aumento das inscrições comprova a credibilidade do prêmio.

Em 2009, foram 360 inscrições, sendo pouco mais de 300 válidas. Algumas foram desconsideradas porque não atenderam aos prazos ou às exigências documentais. Inscrições por e-mail também não foram consideradas. A grande surpresa veio do Rio Grande do Sul. O restaurante Pampulhinha, de Porto Alegre, ficou em 1o lugar nas duas categorias criadas neste ano: Melhores Cartas de Vinhos Brasileiros e Melhores Cartas de Vinhos Portugueses.

Além das duas novas categorias, permaneceram o Grande Prêmio de Excelência, destinada aos estabelecimentos que demonstrarem atenção à qualidade dos vinhos oferecidos (mínimo de 200 rótulos), e o Prêmio de Excelência, para as casas que têm comprovado compromisso em manter uma oferta de vinhos acima da média (cartas com 50 a 200 rótulos). Vale lembrar que um dos itens que podem derrubar uma boa carta é a política de preços adotada. Por fim, cartas que contemplam um único importador são desclassificadas, uma vez que não acreditamos que isso seja benéfico ao consumidor final. Sugestões para aperfeiçoarmos ainda mais esse trabalho são bem-vindas e podem ser enviadas para [email protected]

Vencedores de 2009

Melhores Cartas de Vinhos Brasileiros
1o Pampulhinha (Porto Alegre, RS)
2o Aprazível (Rio de Janeiro, RJ)
3o Vento Haragano (São Paulo, SP)

Melhores Cartas de Vinhos Portugueses
1o Pampulinha (Porto Alegre, RS)
2o Durski (Curitiba, PR)
3o Bacalhoeiro (São Paulo, SP)

Prêmio Excelência
Adega Santiago (São Paulo, SP)
Arábia (São Paulo, SP)
Bacalhoeiro (São Paulo, SP)
Benedictus (Tiradentes, MG)
Brasil a Gosto (São Paulo, SP)
Buttina (São Paulo, SP)
Charpentier (Campos do Jordão, SP)
Dressing (São Paulo, SP)
Due Cuocchi – Cidade Jardim
(São Paulo, SP)
Espírito Santo (São Paulo, SP)
Gibraltar (Rio de Janeiro, RJ)
La Casserole (São Paulo, SP)
Le Chef Rouge (São Paulo, SP)
Limonn (São Paulo, SP)
Magistrale (São Paulo, SP)
Osteria del Pettirosso (São Paulo, SP)
Osteria Pentoline (São Paulo, SP)
Pobre Juan (São Paulo, SP)
Praça São Lourenço (São Paulo, SP)
Ráscal (São Paulo, SP)
Werner (Brasília, DF)

Grande Prêmio Excelência
A Figueira Rubaiyat (São Paulo, SP)
Amadeus (São Paulo, SP)
Baby Beef Rubaiyat (São Paulo, SP)
Boulevard (Curitiba, PR)
Café Journal (São Paulo, SP)
Cantaloup (São Paulo, SP)
D.O.M. (São Paulo, SP)
Durski (Curitiba, PR)
Empório Santa Maria (São Paulo, SP)
Fofo (Ribeirão Preto, RJ)
Fogo de Chão (São Paulo, SP)
Giuseppe Grill (Rio de Janeiro, RJ)
La Tambouille (São Paulo, SP)
Laguiole (Rio de Janeiro, RJ)
Locanda della Mimosa (Petrópolis, RJ)
Mio (Rio de Janeiro, RJ)
Mr. Lam (Rio de Janeiro, RJ)
Olivetto (Campinas, SP)
Pampulhinha (Porto Alegre, RS)
Terzetto (Rio de Janeiro, RJ)
Varanda (São Paulo, SP)
Vento Haragano (São Paulo, SP)
Vicolo Nostro (São Paulo, SP)
Vinheria Percussi (São Paulo, SP)

Mostrar mais

Prazeres da Mesa

Lançada em 2003, a proposta da revista é saciar o apetite de todos os leitores que gostam de cozinhar, viajar e conhecer os segredos dos bons vinhos e de outras bebidas antecipando tendências e mostrando as novidades desse delicioso universo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo